Funil-de-Vendas-png

Acelere as Vendas da sua empresa

Inbound ou Outbound, qual optar para acelerar as vendas da sua empresa?

Será que devo usar minha estrutura Inbound ou Outbound? Essa é uma dúvida muito comum dos empreendedores quando o assunto é relacionado a vendas e geração de leads. E NÃO EXISTE uma resposta pronta para esse tipo de pergunta. Mas calma lá que vamos ajudar!

Inbound-x-Outbound-2b-company

Primeiros passos para entender seu negócio e escolher entre Inbound ou Outbound:

1 – Para tomar a melhor decisão para seu negócio você deve analisar primeiramente o seu Ticket Médio, visto que a partir dele serão baseadas as estratégias de marketing iniciais para estruturar os seus processos.

Antes de investir altos valores em algo que você não tem certeza, faça pesquisas e adeque as forças e oportunidades com o seu ambiente. Isso trará mais estabilidade na hora de escolher em qual método investir.

2 – Se você administra uma empresa grande e com um bom rastro digital (é fácil achar informações) a prospecção de clientes pelo Marketing Outbound tende a ser mais eficiente.

Com Fluxos de Cadência você alimenta a relação com seus Leads podendo personalizar mensagens específicas para eles enquanto o fluxo é ditado pelos próprios prospectos.

É bem fácil entender sobre o Fluxo de Cadência aqui.

Existem prospectos prontos para ligações de vendas e existem prospectos que necessitam de mais conteúdo.

Se você administra uma empresa com Ticket Médio/Margem baixos e que buscam volume de produção o Marketing Inbound é recomendado, pois atrai novos Leads a partir de suas necessidades.

Quanto mais Leads você trabalhar maior será a sua chance de sucesso. Nesse caso, são os Leads que escolhem a sua marca por interesse próprio no seu produto ou serviço.

3Busque referências no mercado, tanto no país em que sua empresa está inserida quanto no exterior. Você deve estar sempre atento e atualizado no que as outras empresas e os seus concorrentes estão fazendo. Além de acompanhar o segmento desejado esteja sempre ligado nas novas tecnologias que podem afetar no desenvolvimento de sua organização.

4 – Analise a rentabilidade e eficiência da sua máquina. A principal métrica que você deve medir é o CAC sobre o LTV. O Custo de Aquisição do Cliente é quanto você vai investir para conquistar um novo cliente. Já o Lifetime Value é uma relação entre o Ticket Médio da empresa, a média do número de transações do cliente por ano e a média de anos de relacionamento.

5 – Pense no projeto completo a partir do conhecimento que você tem sobre o seu cliente ideal. Incremente templates, ferramentas e automações no seu planejamento para facilitar os processos.       

Lembre-se que essas estratégias não trazem sucesso instantâneo. Tudo depende do seu planejamento e de MUITO TRABALHO. No início é mais importante ter eficiência do que tração, portanto, primeiro valide a direção para depois inflar suas vendas.

E aí, Inbound ou Outbound? O que faz mais sentido para o seu negócio?

Você pode saber muito mais informações no site da 2B Company